03 Mai
Post by Agência Nov 3
Acessos: 17

Não é difícil imaginar que um funcionário desmotivado produza muito menos pela empresa do que alguém que está motivado com o que faz, sem contar que sem motivação esse funcionário pode escolher sair da empresa sem pensar duas vezes. E claramente esse não é o perfil de profissional que as empresas buscam.

Existem diversos meios de motivação e cada funcionário reage de uma maneira diferente a cada uma delas, por isso, conhecer e entender seus colaboradores acaba se tornando parte essencial na gestão de um negócio. Mas quais as melhores estratégias a se adotar para evitar uma situação de desmotivação na equipe?

A empresa deve ter metas, isto a nível geral e individual. Quando há uma meta a ser atingida, a pessoa toma aquilo como motivação para realizá-la. Mas é importante salientar que as metas devem ser ousadas e desafiadoras para que seus colaboradores não as adotem como zona de conforto.

Seu processo seletivo deve ser exigente e transparente. Antes de contratar um colaborador na sua empresa é importante analisar se seus valores estão alinhados para que não haja nenhum conflito de interesse. Quando empresa e funcionário possuem a mesma visão, o trabalho em conjunto flui mais facilmente.

Adote a meritocracia. É importante valorizar a conquista e alcance dos resultados como forma de reconhecimento, independentemente da posição hierárquico ou cargo.

Feedbacks individuais. Cada pessoa possui suas particularidades e ter uma abordagem individual nos feedbacks pode ajudar muito a controlar comportamentos que fogem do padrão desejado e motivar aqueles que não estão motivados e garantir uma boa gestão independente do nível hierárquico.

02 Mai
Post by Agência Nov 3
Acessos: 78

Cada vez mais temos a valorização dos colaboradores de uma empresa como parte essencial para seu funcionamento e busca pelo sucesso. Foi-se o tempo que as pessoas eram tidas apenas como engrenagens substituíveis de um sistema. E como consequência dessa nova maneira de se posicionar, as empresas passaram a valorizar e investir mais na área de gestão de pessoas para potencializar o desempenho de sua equipe.

A gestão de pessoas não se trata mais de apenas manter seus funcionários e colaboradores satisfeitos e motivados, mas sim de estruturar uma estratégia completa, envolvendo organização, desenvolvimento, capacitação e humanização de quem faz parte dela.

O investimento em gestão de pessoas vai além da satisfação individual e se relaciona muito mais com a visão, as metas e os resultados do trabalho, tendo influência direta na produtividade e nos resultados finais. É exatamente por isso que esse investimento não pode ser desconsiderado ou minimizado.