18 Mai
Post by Agência Nov 3
in Blog
Acessos: 6

Quando falamos em avanços tecnológicos é comum pensarmos que velhos recursos serão substituídos ou abandonados pelos novos. Com o lançamento dos primeiros e-readers, muito se falou sobre o abandono de livros impressos, afinal, qual seria a chance de uma nova tecnologia substituir algo tradicional?

O mesmo pensamento ocorre quando pensamos em ferramentas futurísticas com funções de profissionais comuns nos dias de hoje. Será que novos programas e métodos podem substituir completamente funções desempenhadas por profissionais?

Ao contrário do que se acredita, as novas descobertas tecnológicas, ao invés de substituir o trabalho humano e antigos métodos, vieram com o intuito de aprimorar e facilitar o trabalho. Precisamos sempre lembrar que por mais recursos que uma máquina tenha, não há cérebro, não há pensamento. Uma ferramenta poderá executar tarefas de forma mais ágil e precisa, mas caberá sempre ao ser humano a responsabilidade de criar estratégias e analisar os problemas a serem resolvidos, da melhor forma possível.

Por isso, ao surgimento de novas tecnologias, ao invés de fugir e evitar o uso, devemos estudá-las e adequá-las de forma a se tornarem um auxiliar na execução de tarefas. Bons exemplos dessas interações entre novas tecnologias e profissionais são os robôs cirurgiões que auxiliam médicos em cirurgias de risco. Apesar de possuírem uma maior precisão na execução das tarefas, elas ainda dependem do controle de profissionais humanos para operar.

Precisamos dar uma maior confiabilidade e maiores oportunidades para as novas tecnologias para que o trabalho seja cada vez mais eficaz, independente da área de atuação.

11 Mai
Post by Agência Nov 3
in Blog
Acessos: 16

A grande variedade de canais disponíveis no meio da comunicação digital acaba gerando dúvidas sobre qual seria o melhor para investir. Antes de decidir, é essencial fazer uma análise de mercado e traçar seus objetivos. Confira as dicas sobre qual a melhor estratégia de acordo com o tipo de mídia escolhida:

Site

Se o intuito é iniciar a divulgação online, o primeiro passo a ser dado é ter um site institucional. O site pode ser usado para contar a história do seu negócio, mostrar os serviços e produtos ofertados, locais de atendimento e pontos de venda e canais de atendimento ao cliente. É importante que seja legível, acessível e compatível com diversos dispositivos.

Quem deve investir: todas as empresas que estejam iniciando seu marketing digital.

Blog

É uma ferramenta importante para a divulgação de conteúdo, pois permite uma divulgação com baixo custo de investimento e com a adesão de estratégias de SEO pode-se alcançar boas posições de ranqueamento no Google, contribuindo então para um maior alcance de clientes em potencial para a marca ou empresa.

O conteúdo a ser utilizado deve ser relevante e coerente com os propósitos da empresa para que atinjam o público alvo corretamente.

Quem deve investir: principalmente marcas prestadoras de serviço.

Redes sociais

As redes sociais devem ser um complemento de sua divulgação online e não ser a única forma de divulgação. Quando se trabalha com mais de uma rede social, o ideal é produzir um conteúdo diferenciado e adequado para as ferramentas presentes em cada uma delas. Isso porque é comum que os seguidores em uma rede sejam os mesmos em outra, portanto não é interessante produzir e replicar o mesmo conteúdo. Analise as oportunidades de cada uma e fuja do óbvio para conseguir destaque no mercado.

Quem deve investir: todas as empresas que pretendem ter um alcance de público e prospectar novos clientes.

Google Adwords

É o serviço de publicidade do Google, que permite patrocinar anúncios de texto banners, direcionando-os a palavra-chave que está sendo pesquisada.

Quem deve utilizar: empresas e profissionais que desejam alcançar a primeira posição na pesquisa do Google ou anunciar seu banner em sites relevantes ao público-alvo.